Motoclube do Montijo

Na década de 90, havia um grupo de amigos que se reuniam na Riquexó – Venda e Assistência de Motos, Lda., no Montijo e a determinada altura, com o apoio dos proprietários deste espaço comercial, decidiram criar o Motoclube.

Em 1991, 1992, já havia um grupo organizado de motociclista que percorriam as principais concentrações do país e assim em 15 de outubro de 1993 é fundado o Motoclube de Montijo.

Em 28 de dezembro de 1994, no Cartório Notarial de Alcochete foi oficial constituída a associação Motoclube de Montijo, com sede oficial nas instalações da Riquexó, como sendo um organismo cultural e desportivo sem fins lucrativos, que se destina a desenvolver o motociclismo e atividades similares, conforme publicado no Diário da República n.º 60 – III série, de 11/03/1995, pagina 4216.

Com o Motoclube devidamente formalizado foi necessário arranjar uma sede social onde os sócios e suas famílias se pudessem reunir e receber condignamente todos aqueles que pretendiam visitar o Motoclube de Montijo.

Assim foi criada a primeira sede social do Motoclube de Montijo na Avenida Dom João IV – Montijo, nas instalações da Sociedade Filarmónica 1.º Dezembro.

Algum tempo depois a sede social do Motoclube de Montijo foi mudada para o Largo da Caldeira – Montijo, para as instalações da discoteca “In Loco”, que havia fechado, onde permaneceu até ao final de 1999. A partir desta data e até ao final de setembro de 2005 a sede social do Motoclube de Montijo permaneceu nas instalações da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Montijo.

Com a necessidade de uma sede maior em outubro de 2005 o Motoclube de Montijo mudou a sua sede social para a Rua dos Ciprestes – Montijo onde permanece até hoje.

Em 01/03/1995 o Motoclube de Montijo associou-se na Federação Nacional de Motociclismo (atual Federação de Motociclismo de Portugal), tendo-lhe sido atribuído o n.º 113.

 

ATIVIDADES:

O Motoclube de Montijo organiza e participa ao longo do ano em vários eventos de carácter cultural, desportivo, social e religioso, dos quais se podem destacar a concentração anual, a Operação Pai Natal, a festa de aniversário, o Montijo Lés a Lés e a participação nas Festas Populares de S. Pedro e no Carnaval da Cidade.

O Motoclube do Montijo organizou a primeira e única prova do Campeonato Europeu de Supermotard em Portugal e algumas provas do Campeonato Nacional de Supermotard em conjunto com o Motor Clube do Estoril. Em 2004 participou com uma equipa no Campeonato Nacional de Supermotard, no qual foi Campeão Nacional.

os dias 10 e 11 de abril de 2010 o Motoclube de Montijo em parceria com a Federação de Motociclismo de Portugal organizou na cidade do Montijo a 14.ª edição do Dia Nacional do Motociclista. O Dia Nacional do Motociclista contou com a presença de mais de 30.000 motociclistas, fazendo deste evento um dos maiores organizados no Montijo e sem dúvida o que colocou mais motociclistas na cidade.

 

O SÍMBOLO:

A cabeça do leão (símbolo de liderançaforçacoragem e honra), com capacete e óculos (símbolo do motociclista) que figura no símbolo do Motoclube de Montijo advém em parte do facto de alguns dos sócios fundadores serem adeptos do Sporting Clube de Portugal.

Inicialmente o símbolo do Motoclube era a preto e branco tendo ao longo dos tempos sofrido várias alterações até às cores e formas actuais.

 

DISTINÇÕES:

Em 11/05/1999 a Federação Nacional de Motociclismo (atual Federação de Motociclismo de Portugal) atribuiu ao Motoclube de Montijo o Diploma de Mérito Motociclista. O Motoclube de Montijo foi no dia 15/09/2017 agraciado com a Distinção de Mérito BARCA ALDEGALEGA. Esta distinção é a mais alta distinção de mérito atribuída pela Junta de Freguesia da União de Freguesias do Montijo e Afonsoeiro às individualidades, instituições e empresas que se destacam nas mais diversas áreas.

Categoria: Product ID: 1860